Origem dos cemitérios

Supulturas

De onde vem o costume de criar lugares específicos para pessoas a serem enterradas? As origens do cemitério remontam aos tempos pré-históricos: As escavações arqueológicas identificaram o hábito de cobrir os mortos com pedras ou enterrá-los já nessa época. Mas o costume tinha um significado diferente: os corpos em decomposição atraíam animais, pondo em risco a vida de outras pessoas. No entanto, o costume de atribuir um local de sepultamento vem dos hebreus, como citado em várias fontes históricas, e tomou forma com os cristãos, com a criação da catacumba nas paredes das galerias subterrâneas. Na Roma antiga, os enterros na cidade eram proibidos, levando assim a enterros ao longo das estradas. Contudo, com o crescimento e desenvolvimento das cidades, os mortos enterrados em lugares remotos voltaram a fazer parte do perímetro urbano. A história dos cemitérios Após o período de utilização das catacumbas subterrâneas, as áreas interiores das igrejas e os espaços adjacentes começaram a ser utilizados para os enterros. Contudo, esta prática criou um problema ao longo do tempo: já não havia espaço suficiente para abrigar tantos corpos, e o resultado foi a contaminação do solo, causando epidemias mortais. Viver perto destes locais era altamente perigoso. Foi aprovada uma lei inglesa relativa aos enterros, que começou a ser feita ao ar livre e longe da área urbana. Este é possivelmente o ponto de partida para os cemitérios, tal como os conhecemos hoje. Os cemitérios religiosos, de facto, permaneceram comuns até ao século XIX. Esta foi uma prática que, segundo a tradição católica, aproximou o falecido dos santos. Além disso, ser enterrado dentro de uma igreja era um sinal de prestígio. Hoje em dia, os cemitérios como os conhecemos misturam-se na paisagem urbana, tornando-se atracções turísticas que são visitadas por pessoas de todo o mundo interessadas nas personalidades e artistas ali enterrados. Entre os cemitérios mais famosos do mundo encontram-se o Cemitério da Recoleta em Buenos Aires (Argentina), o Cemitério Highgate em Londres (Inglaterra),  em Portugal o Cemitério dos Prazeres em Lisboa, e o Cemitério St. Louis No. 1, Nova Orleães, EUA, bem como as catacumbas em Paris (França) e o Cemitério do Mevlâna Complex-Museum em Konya (Turquia).

Casa das Campas
Cemitério dos Prazeres

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

RECEBA NOSSAS OFERTAS E NOVIDADES EXCLUSIVAS


CONTACTO